A primeira caixa torácica de titânio impressa em 3D do mundo é uma maravilha da medicina

Parece coisa de história em quadrinhos, mas não é. Depois de perder o osso esterno e parte da caixa torácica para um câncer, um homem espanhol de 54 anos recebeu a primeira prótese de peito impressa em 3D do mundo, feita do leve, mas incrivelmente resistente, titânio.

Implantes de titânio não são nenhuma novidade para a medicina, mas substituir grandes porções da caixa torácica pode se provar dificultoso. As próteses de titânio são geralmente feitas de várias placas componentes, e podem até mesmo se afrouxar com o tempo, causando complicações futuras.

Cirurgiões do hospital da Universidade de Salamanca, na Espanha, decidiram que uma prótese de titânio customizada seria a melhor opção para preencher as porções do peito do paciente que foram removidas, além de ser uma opção mais segura a longo termo.1425795537565302163[1]

Usando tomografias 3D de alta resolução do peito do paciente, os cirurgiões determinaram quais áreas precisavam ser substituídas, e então solicitaram a Anatomics, uma companhia australiana, para projetar e construir substitutos para o osso esterno e a caixa torácica.

Por mais impressionante que impressoras de 3D, como a MakerBot, possam ser, imprimir com titânio requer um alto nível de especialidade e equipamentos. A Anatomics fez uso de uma impressora 3D com feixes de eletróns avaliada em US$ 1,3 milhões para produzir a prótese, a primeira do tipo no mundo, que foi então enviada à Espanha e cirurgicamente implantada no paciente.

Doze dias depois da cirurgia final, o paciente, que é provavelmente a coisa mais próxima que temos ao Wolverine, recebeu alta e está se recuperando bem. E a impressão 3D dá mais um importante passo para se tornar uma das tecnologias mais importantes do século XXI.

Via: http://gizmodo.uol.com.br/

 

Deixe um Comentário

Translate »